Ações

operaçao long & short

Amigos, fiz uma operação no dia 06 e queria compartilhar com vocês.
É um trade que consiste em vender uma ação que você acredita que vá ter um desempenho inferior ao bovespa e comprar uma que acha que vá subir.
Por isso vendi CMIG4 (em posição alugada) e comprei BOVA11. O monitoramento da operação de baseia na razão CMIG(short)/BOVA (long). Inicial de 0,5670. Stop da operação 0,5000. Stop loss 0,5950.
Hoje esta em 0,5529 (ganho de 2,4% bruto).
É uma operação casada com financeiro próximo de zero, isto é, não desembolsei nada!! Vantagens em relação às travas de opção: não tem prazo de validade….
Venda da CMIG a 33,03 (hoje 32,64)
Compra da BOVA a 58,26 (hoje 59,03)
Taxa de aluguel da CMIG: 1%/ano
Objetivo: alavancagem da carteira.
Montante de dinheiro envolvido: R$ 100.000
Montante desembolsado: Lucro de R$ 67,40 (diferença da operação simultânea)
Potencial de ganho: 11%
Vou dando noticias
Abraço a todos

Anúncios

6 comentários sobre “operaçao long & short

  1. Na minha opinião, operações Long-Short são ótimas opções de investimento para curto prazo, mas requerem um grande conhecimento e acompanhamento constante do mercado. Conheço 3 maneiras de utilizar esse tipo de operação:
    1) Apostando num papel contra outro. É o que o Guru fez: apostou que CMIG vai ter uma performance abaixo da BOVA, que reflete a cesta do Ibov. Então vende-se o que se considera estar caro e compra-se o mais barato.
    2) Fazendo arbitragem com papéis do mesmo segmento. Talvez seja a mais tradicional maneira de fazer esse tipo de operação. É uma operação baseado em análise fundamentalista, onde explora-se as diferenças de perspectivas e múltiplos de papéis que atuam num mesmo segmento.
    3) Explorando assimetrias em diferentes classes de ações de uma mesma empresa. Os papéis emitidos por uma mesma empresa guardam uma relação de valor entre si, que considera basicamente o quanto se recebe de dividendos e o tanto que se pode mandar na empresa com aquela participação. Quando por um motivo qualquer essa relação de valores se rompe, monta-se a operação vendendo o papel sobrecomprado e comprando o sobrevendido. Ex: venda de Vale3 com compra de Vale5.
    Resumindo, é sempre uma operação de arbitragem, para a qual é necessário um acompanhamento sistemático e conhecimento profundo de fundamentos para não se dar mal.
    Abs e vamo que vamo!

  2. Foronda Guru, fiz um comentário que não apareceu, transcrevo-o:
    “Qual a razão histórica (entre os ativos) e o que o levou a acreditar que havia uma oportunidade Foronda?”

  3. Para mim e para meu velho, é uma estrategia a longo prazo perdedora, custos altos, e depende de uma simetria perfeita, agora….se pensar como estrategia de proteção, ai ja nem falo nada.
    Se for para especular, ja que se entende que vai subir enfia um termo na bixa, se entende que vai cair, aluga e vende a benedita…..
    Ficar amarrado em relatorios estatisticos de corretoras…. ou alguem aqui tem algum software estatistico de correlaçao de arbitragem ???

    1. Bom dia Gildson. O objetivo desse tipo de operação não é o longo prazo.
      Pode vir a ser por justamente não ter prazo de vencimento, como as opções.
      As vantagens que vejo são: não ter prazo de validade (uma pressão a menos), retorno considerável, sem necessidade de desembolso financeiro.
      Se você for pensar bem, na verdade eu fiz um termo na BOVA11 com taxa de 1% ao ano (bem menor do que os juros corriqueiros). O dinheiro que usei para comprar BOVA11 foi do aluguel e venda da CMIG4. Por isso o custo zero da operação inicial.
      Sim, estou amarrado, mas o “termo” tem juros baixíssimos.
      Vale ressaltar que o ganho não é só quando uma cai e outra sobe. As duas podem cair e eu ter lucro e as duas podem subir e eu ter lucro tbm!
      O grande segredo, como Calderon comentou, é o acompanhamento MUITO de perto, trabalhando com stop loss (hedge) e acompanhando o RATIO todos os dias!!!
      Mais tarde respondo o Mestre…. O por quê dessas duas empresas…
      Não acho uma estratégia perdedora, apenas diferente…
      Grande abraço

  4. E ai Foronda??….gosto do seu estilo de operar….
    E se tem uma coisa que gosto muito é discussao saudadavel sobre o mercado.
    Difundir opinioes, questionar, aprender, isso é o importante.
    Quando eu disse “estratategia no longo prazo perdedora” quiz dizer que se repetir varias vezes essa operação vai perder mais do que ganhar, ou os custos sao tao altos que torna inviavel a operação.
    Na verdade, o fato de vc comprar com o dinheiro da venda significa estar alavancado, e isso inclui varios fatores de risco.

    Nao existe milagre, so ganha se uma cair e outra subir, oque muda é a intensidade da queda da ponda comprada e a intensidade da subida da ponta vendida se proporcional “empata” (na verdade perde por conta dos custos), se desproporcional apura o lucro/preju.

    Por isso que vejo mais como proteção de carteira.

    Ha razão historica é: software estatistico do ratio, se acima/abaixo de x monta a operação .
    Simples estatistica.

    *so uma observação o relatorio que recebi aponta a bova11 como venda (short) e ai eles vao enchendo o pote.

  5. Fala Gildson!!! Sim, discutir para sempre aprender é o melhor caminho!!!

    Gosto muito dos seus comentários também!

    Eu sou um ávido por operações. O mais difícil para mim é controlar meu ímpeto para grandes negócios que podem acabar em grandes furadas!!

    O que visualizei nessa operação foi um ganho expressivo sem muitos riscos. Na verdade não opero quase nunca assim.

    Meu negócio são as opções ITM, hehe.

    E, pra ser muito sincero, amo ficar operando taxa… Adoraria fazer todo o mês se meu preço médio não estivesse tão defasado assim ( Petr 29,60 , Vale 44,70). Sim eu sei que você ser realizado com lucro não importa tanto seu preço médio se faz isso todo o mês com sucesso… Acaba abatendo IR, e não pagando.

    O ganho da operação se dará se a razão entre elas cair…. Monitoro todos os dias e assim que achar nteressante saio dela. Meu stop loss está lá. Se atingir, saio automaticamente mesmo se estiver longe do computador. O que facilita o comportamento de ” cara eu ganho, coroa foi azar…”

    Respondendo ao Mestre. Pq CMIG e pq BOVA? Para esse tipo de operação, ações muito voláteis acabam deixando você louco com tanta variabilidade. Por isso ações mais estáveis.
    CMIG bem defensiva, e atingiu o pico histórico no valor de 33 e alguma coisa (não me lenbro agora). Anunciou investimento em Belomonte. Para muitos analistas um investimento que não deve repercutir muito bem para a empresa. Portanto bases técnicas e fundamentalistas.
    BOVA bem de acordo com o mercado. Eu acredito em uma estabilidade a médio prazo ainda, portanto um papel que representa o pool de várias ações, não saindo muito da média e portanto sem volatilidade.

    Espero ter esclarecido alguns pontos amigos!!!

    Abraço a todos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s